Olá, faça seu login ou cadastre-se.

Blog

Você está aqui

Cobrança pelo uso da água é responsável pelos principais investimentos na Bacia do Paraíba do Sul

Cobrança pelo uso da água é responsável pelos principais investimentos na Bacia do Paraíba do Sul

Principal frente de trabalho do CEIVAP, arrecadação de recursos pela utilização da água diretamente de rios e outros corpos hídricos já possibilitou aportes de 19 milhões de reais a projetos ambientais

Queimadas destroem a natureza, poluem o ar e prejudicam a saúde das pessoas

Queimadas destroem a natureza, poluem o ar e prejudicam a saúde das pessoas

Precisamos falar de um assunto que traz sérias consequências para o meio ambiente - as queimadas. Essa antiga prática além de poluir o ar e ameaçar a saúde das pessoas, quando sai de controle costuma atingir áreas de preservação e dizimar árvores e animais.

No nosso Estado, entre maio e outubro, quase não chove. Com isso, o ar fica seco, o céu com poucas nuvens e a vegetação ressecada. Um cenário propício para desastres, então, é preciso que os cuidados sejam redobrados.

COMITÊS DE BACIA: PROTAGONISTAS NA SUPERAÇÃO DA CRISE HÍDRICA DO ESTADO

COMITÊS DE BACIA: PROTAGONISTAS NA SUPERAÇÃO DA CRISE HÍDRICA DO ESTADO

Comitê de Integração da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul - CEIVAP é referência nacional na gestão do uso da água

Amigos, vocês sabiam que cuidar das bacias hidrográficas tem importância não apenas ambiental, mas também social e econômica? Mais do que um conjunto de diversos cursos d’água, as bacias atendem à população em várias finalidades como abastecimento, transporte, pesca e produção industrial.

FUTURO DA BAÍA DE GUANABARA COMEÇA AGORA

FUTURO DA BAÍA DE GUANABARA COMEÇA AGORA

Primeiro boletim de qualidade das águas mostra urgência no controle das fontes de poluição dos corpos hídricos

Amigos, a qualidade das águas da Baía de Guanabara afeta a vida de mais de oito milhões de habitantes. E os últimos levantamentos ambientais nos mostram como é indispensável o empenho de toda a sociedade para a recuperação desse ecossistema.

PROJETO OLHO NO VERDE MONITORA ATÉ SETE MIL KM² DE DESMATAMENTO POR IMAGENS DE SATÉLITE

PROJETO OLHO NO VERDE MONITORA ATÉ SETE MIL KM² DE DESMATAMENTO POR IMAGENS DE SATÉLITE

Sistema já identificou irregularidades em área equivalente a 71 campos de futebol.

Amigos, começamos o ano com a boa notícia de que o Rio de Janeiro mantém 30% da sua área coberta por Mata Atlântica. O monitoramento feito pelo projeto Olho no Verde nos permitiu identificar com precisão esse cenário e hoje nosso Estado conta com o acompanhamento constante da sua cobertura florestal.

RPPNs: UMA NOVA REALIDADE PARA A MATA ATLÂNTICA NO RIO DE JANEIRO

RPPNs: UMA NOVA REALIDADE PARA A MATA ATLÂNTICA NO RIO DE JANEIRO

Cadastro de reservas particulares traz benefícios tanto para proprietários de terra quanto para meio ambiente.

Amigos, 80% de toda a área de Mata Atlântica que restou em nosso país está dentro de áreas particulares. Hoje, os proprietários rurais são os grandes protagonistas da luta pela preservação de um dos mais importantes biomas do Brasil.

É hora de agir: sete hábitos que impactam no saneamento básico no Rio de Janeiro

É hora de agir: sete hábitos que impactam no saneamento básico no Rio de Janeiro

O caminho para reverter o cenário de tratamento de esgoto, não depende apenas de investimento, mas também de conscientização ambiental.

Amigos, vocês acreditam que segundo o jornal O Globo, metade da população brasileira ainda não tem acesso a saneamento básico? Apesar de básico, o serviço é escasso em diversas partes do mundo. Essa é a grande dívida ambiental do nosso país. 

O renascimento da Mata Atlântica no Rio de Janeiro

O renascimento da Mata Atlântica no Rio de Janeiro

Amigos, vocês sabiam que a Mata Atlântica foi nomeada dessa forma por já ter acompanhado toda a extensão do litoral do Brasil? Se hoje pouco resta de sua vegetação nativa, a causa são 300 anos de incessantes desmatamentos ilegais.

Se por um lado temos uma situação preocupante, em que o desmatamento no Brasil não para de avançar, do outro temos um aumento da área verde de Mata Atlântica, com o Rio de Janeiro no destaque da recuperação desse bioma no país.

ICMS Ecológico muda cultura ambiental no Estado e recompensa municípios que investem em preservação

ICMS Ecológico muda cultura ambiental no Estado e recompensa municípios que investem em preservação

Iniciativas como criação de unidades de conservação, preservação de mananciais de abastecimento e tratamento de esgoto determinam o repasse de verba recebido por cada cidade.

Valença, tesouro ambiental do Médio Paraíba se destaca em projetos do Estado

Valença, tesouro ambiental do Médio Paraíba se destaca em projetos do Estado

Em meio a conquistas e desafios, progresso local envolve obras de recuperação florestal, reciclagem e geração de emprego e renda.

Amigos, quem acompanha o meu trabalho sabe que Valença tem um papel especial na minha história. Foi lá que comecei a vida política seja, como Deputado Estadual, seja como secretário do Ambiente, não poderia deixar de lado a nossa Valença. 

Páginas