BAIXE O MEU APP

Notícias

Você está aqui

Deputado André Corrêa: "Alta de mínimo no Rio pode superar a do salário nacional"

Deputado André Corrêa: "Alta de mínimo no Rio pode superar a do salário nacional"

Governo deve encaminhar, em fevereiro, proposta maior que reajuste de 6,78% aplicados no piso em todo o país

RIO - O líder do governo na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), deputado André Corrêa (PSD), afirmou nesta quinta-feira que será encaminhada no início de fevereiro proposta de reajuste do salário mínimo regional superior aos 6,78% que foram aplicados no salário nacional. No país, o valor subiu de R$ 678 para R$ 724.
— Não se chegou a um acordo entre as centrais sindicais, que queriam 15% de reajuste, e os empresários, que sugeriam os 6,78% do reajuste nacional. O governo já bateu o martelo, vai sugerir um reajuste acima do nacional, só falta definir o índice — disse Corrêa.

O salário mínimo regional em 2013 era de R$ 802,53 para empregados domésticos. O piso era menor, de R$ 763,14, para trabalhadores agropecuários e rurais. Caso vença a proposta dos empresários e o reajuste no Rio seja o mesmo que o nacional, o mínimo no estado passará a ser de R$ 856,94 para os domésticos e de R$ 814,88 para trabalhadores rurais. Se as reivindicações dos sindicatos, de aumento de 15%, forem atendidas, os pisos sobem para R$ 922,91 e R$ 877,61, respectivamente.

Como não houve acordo na negociação entre trabalhadores e empresários, cabe ao governo estadual encaminhar proposta de reajuste. Segundo Corrêa, isso ocorrerá na primeira quinzena de fevereiro, depois do fim do recesso da Alerj, no dia 5. Outro ponto em negociação é a redução do número de faixas salariais das atuais nove para cinco. A mudança foi proposta pelos trabalhadores, mas não foi aceita pelos empresários.

Fonte: O Globo Online - Lucianne Carneiro

Inscreva-se para se manter atualizado e receber notícias sobre o meu mandato para a sua cidade.

Comentários no Facebook

Você também pode gostar de

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

  • Facebook

  • Twitter

  • Instagram

  • Youtube

  • Linkedin