BAIXE O MEU APP

Notícias

Você está aqui

Estradas rurais de Nova Friburgo recebem obras de drenagem pluvial

Estradas rurais de Nova Friburgo recebem obras de drenagem pluvial

A presidente da Emater-Rio e coordenadora do Programa Estradas da Produção, Stella Romanos, vistoriou, na sexta-feira (27/6), em Nova Friburgo, na Região Serrana, as obras de drenagem pluvial em estradas vicinais do município. Com recurso do Banco Mundial, da ordem de R$ 4 milhões, o trabalho é coordenado pelo programas Estradas da Produção e Rio Rural, da Secretaria estadual de Agricultura.

As obras estão beneficiando, simultaneamente, as estradas Floresta Mendes –Salinas e de Pilões, em Nova Friburgo; Água Quente – Batume e Serra do Vale Alpino, em Teresópolis; e, por fim, a estrada SU-02, com início na localidade de Lagoa, em Sumidouro. As vias foram selecionadas a partir de critérios que priorizam o atendimento ao maior número de agricultores familiares e volume de escoamento da produção. Ao todo, quase 13 quilômetros de estradas estão recebendo canaletas de drenagem e caixas coletores de águas pluviais. Desse total, 8,2 quilômetros são de vicinais em Nova Friburgo.

Recentemente, estas mesmas vias já haviam sido contempladas com limpeza e acabamento da pista, gradagem e escarificação do solo, manutenção de saídas de águas pluviais e de nascentes, compactação com rolo, entre outros serviços, realizadas pelo Programa Estradas da Produção. Todas essas ações de infraestrutura rural complementam os trabalhos de recuperação da capacidade produtiva após a catástrofe climática de 2011 na serra fluminense, região considerada a primeira em produção de hortaliças folhosas, a terceira em termos de concentração da agricultura familiar e a que possui a maior diversificação das atividades agroindustriais no estado.

- Desde 2013, só em Nova Friburgo, recuperamos 183 quilômetros de estradas vicinais em diversos pontos do município. Além disso, investimos também na aquisição de maquinário e na construção de várias pequenas pontes rurais - explicou Stella.

Revestimento primário

Em 2013, diversas vias de escoamento agrícola dos municípios de Bom Jardim, Nova Friburgo, Sumidouro e Teresópolis receberam aplicação de material de revestimento primário (brita tipo bica corrida) para melhorar a condição operacional de acesso dos moradores e de escoamento da produção agrícola. Executadas pelos escritórios de engenharia rural da Emater-Rio, essas obras representaram um investimento de R$ 1,9 milhão, também oriundo do Banco Mundial. Foram, ao todo, cerca de 30 mil metros cúbicos de material aplicado em 83 trechos de vias rurais considerados críticos em 22 microbacias hidrográficas. A iniciativa contou, ainda, com a parceria das prefeituras dos municípios contemplados.

Fonte: Site do Governo do Estado
Ascom da Secretaria de Agricultura
Foto: Paulo Filgueiras

Inscreva-se para se manter atualizado e receber notícias sobre o meu mandato para a sua cidade.

Comentários no Facebook

Você também pode gostar de

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

  • Facebook

  • Twitter

  • Instagram

  • Youtube

  • Linkedin