BAIXE O MEU APP

Olá, faça seu login ou cadastre-se.

Você está aqui

Obras de controle de inundações e recuperação ambiental do Rio Bengalas beneficiarão seis bairros de Nova Friburgo

Obras de controle de inundações e recuperação ambiental do Rio Bengalas beneficiarão seis bairros de Nova Friburgo

Intervenções terão continuidade com a construção de pontes e passarelas sobre esse rio; verba foi liberada hoje pelo ministro das Cidades

As obras de controle de inundações, drenagem e recuperação ambiental do Rio Bengalas, em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, foram entregues à população nesta segunda-feira (14/5), pelo secretário estadual do Ambiente, Marco Aurélio Porto e pelo ministro das Cidades, Alexandre Baldy. As intervenções beneficiarão os bairros de Conselheiro Paulino, São Jorge, Belmont, Prado, Jardim Ouro Preto e Duas Pedras e compreenderam a canalização, calçamento e desapropriações de construções irregulares na beira desse rio e que já foram demolidas.

A obra beneficiou o trecho entre a foz do rio Dantas (estaca 99, próximo à rua Garcia de Queiroz) e o trevo de Duas Pedras (estaca 272), totalizando uma extensão aproximada de 3,4 km que recebeu serviços de desassoreamento, adequação de calha, proteção e contenção das margens do Rio Bengalas. O trecho situado no bairro Conselheiro Paulino recebeu projeto de paisagismo com o plantio de 680 mudas de espécies nativas da Mata Atlântica, entre arbóreas e arbustivas, onde foi instalada uma academia da  terceira idade.

As obras foram realizadas com recursos de aproximadamente R$ 187 milhões, oriundos do Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano (Fecam) e do Ministério das Cidades sendo a Caixa Econômica Federal a avalista.

Durante a inauguração, o ministro Alexandre Baldy anunciou a liberação de recursos no valor de R$ 22 milhões para a construção de sete travessias sobre o Rio Bengalas:

“Estamos inaugurando hoje uma obra muito importante para Nova Friburgo, município devastado pela tragédia provocada pelas chuvas de 2011. A cidade também será beneficiada com a continuidade dessas obras que abrangerá a construção de quatro pontes e três passarelas sobre o Rio Bengalas, cujos recursos foram liberados hoje”, destacou o ministro.

“Recuperamos o principal rio que drena a cidade. O trecho que recebeu a intervenção foi o mais afetado pela enxurrada de 2011. Os recursos estaduais foram investidos principalmente para pagamento de indenizações e desapropriações. Durante as obras, foram retirados cerca de 300 mil metros cúbicos de material. Para se ter uma ideia da quantidade de lama retirada do rio, isso corresponde a cerca de 20 mil viagens de caminhões em cinco anos de muito trabalho”, explicou o secretário Marco Aurélio Porto.

Inscreva-se para se manter atualizado e receber notícias sobre o meu mandato para a sua cidade.

Comentários no Facebook

Você também pode gostar de