BAIXE O MEU APP

Notícias

Você está aqui

Secretário André Corrêa recebe ministra Izabela Teixeira, do Meio Ambiente

Secretário André Corrêa recebe ministra Izabela Teixeira, do Meio Ambiente

Três pontos, considerados muito importantes na agenda ambiental do estado do Rio de Janeiro, foram discutidos em reunião entre o secretário de Ambiente, André Corrêa, e a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, em 6 de janeiro. A gestão das águas do Rio Paraíba do  Sul,  o  plano  para  ampliação  da  cobertura  da  Mata  Atlântica  e  a  modernização  do  processo para licenciamentos ambientais. Foi uma extensa  reunião que deu início diálogo político entre a Secretaria de Estado do Ambiente (SEA) e o Governo Federal.

Com  objetivo  de  frear  o  desmatamento  da  Mata  Atlântica  e  viabilizar  a  ampliação  da  área  de cobertura  no  território  Fluminense,  a  parceria  com  o  Ministério  do  Meio  Ambiente  buscará promover  o  alinhamento  pela  conservação,  com  a  integração  das  áreas  protegidas  federais  e estaduais, mas também com a estratégia de  recuperação da mata nativa e também com uso de uma  estratégia  de  fiscalização.  "É  importante  que  o  Rio  de  Janeiro,  por  ter  uma  extensa  área conservada de Mata Atlântica, tenha um patamar diferenciado de ação articulada com o Governo Federal", concluiu a ministra.

Logo  que  foi  anunciado,  André  Corrêa  elencou  como  uma  das  suas  principais  metas  a preservação da Mata Atlântica. Segundo o secretário, é necessário que nossos parques estaduais sejam  visitados.  Para  André  Corrêa,  ampliar  a  exposição  destas  áreas  serve  para  proteger  o bioma e gerar renda por meio do ecoturismo.

O segundo ponto da agenda, definiu que será criado um grupo conjunto, envolvendo em parceria os  governos  Federal,  do  Rio  de  Janeiro  e  de  São  Paulo,  que  terá  como  meta  a  modernização do  sistema  de  licenciamento  ambiental.  "Fomos  os  pioneiros  na  concepção  do  sistema  de licenciamentos  e  o  objetivo  é,  mais  uma  vez,  estar  na  vanguarda,  preservando  a  questão ambiental,  com  redução  do  tempo  para  emissão  das  licenças",  anunciou  o  secretário  André Corrêa.

Também  foi  discutida  a  gestão  estratégica  das  águas  do  Rio  Paraíba  do  Sul,  questão  que atualmente  envolve  os  governos  fluminense  e  paulista.  Desde  o  ano  passado,  autoridades  dos estados envolvidos discutem formas de otimizar a distribuição e garantir o abastecimento de água da população, respeitando os estudos de impacto ambiental.

Inscreva-se para se manter atualizado e receber notícias sobre o meu mandato para a sua cidade.

Comentários no Facebook

Você também pode gostar de

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

  • Facebook

  • Twitter

  • Instagram

  • Youtube

  • Linkedin