BAIXE O MEU APP

Notícias

Você está aqui

Benefícios do saneamento são tema de palestra no Centro Educacional Soares Herdy

Benefícios do saneamento são tema de palestra no Centro Educacional Soares Herdy

Os benefícios do saneamento básico, a importância da construção do Sistema de Saneamento Ambiental da Bacia do Alcântara para a saúde da comunidade e do meio ambiente, foram temas de uma palestra socioeducativa ministrada hoje para 34 alunos do 5º ano do ensino fundamental do Centro Educacional Soares Herdy, na Rua Itaocara, 66, no bairro Trindade, em São Gonçalo.

O Técnico de Segurança do Trabalho do PSAM (Programa de Saneamento Ambiental dos Municípios do Entorno da Baía de Guanabara), João Beneventes, falou sobre as doenças relacionadas à falta de saneamento básico, as consequências para o meio ambiente do despejo de esgoto in natura em rios, canais e lagoas e o funcionamento do sistema de coleta e tratamento de esgoto que está sendo construído em São Gonçalo.

Os jovens tiveram a oportunidade de conhecer todas as fases da construção do sistema, desde a implantação da rede coletora, a ligação intradomiciliar, as etapas do funcionamento de uma elevatória e os impactos das intervenções na rotina nas comunidades vizinhas a obra.

Durante a abordagem, a Coordenadora da escola, Raphaela Rodrigues, questionou sobre as etapas da construção do sistema de coleta de esgoto, atualmente com 41% de avanço físico. “Sempre que venho trabalhar vejo que foram abertas valas nas ruas do bairro e observo homens trabalhando, colocando tubos. Percebi que em algumas vias, essas valas já foram fechadas. Vão abrir novamente ou depois dessa etapa, virá a colocação do asfalto?” perguntou ela.

“Depois da vala aberta, os operários vão realizar a ligação domiciliar, localizada em frente às residências. As ruas onde foram abertas essas valas estão recebendo um acabamento asfáltico temporário para facilitar o tráfego de veículos e o acesso de pedestres, antes da recomposição final da cobertura asfáltica. Após a execução das redes coletoras e a conclusão das ligações domiciliares, existe um prazo médio de 1 a 3 meses para as ruas terem a recomposição de pavimento executada. O asfalto de todas as ruas afetadas será plenamente recomposto até o final das obras”, explicou Benevente.

“Essa palestra sobre as etapas da construção de um sistema de coleta e tratamento de esgoto foi muito boa para fixar o conteúdo sobre higiene, saúde, saneamento ambiental e sustentabilidade, abordado recentemente com a turma. Os alunos com certeza levarão a informação aos seus familiares, que entenderão que se trata de uma obra que, apesar do transtorno que causa, fará muito bem para a saúde da comunidade e do meio ambiente” comemorou Cristiana Moura, Professora Geral do 5º ano do Centro Educacional Soares Herdy.

PSAM

O Sistema de Esgotamento Sanitário do Alcântara é uma das obras do Programa de Saneamento Ambiental dos Municípios do Entorno da Baía de Guanabara – PSAM, e prevê a construção da Estação de Tratamento e da elevatória de Alcântara, a instalação de 92 km de redes, 6 km de coletores tronco e seis elevatórias de pequeno porte, além da elevatória Yamagata. As obras contemplam 17.400 ligações intradomiciliares e a destinação do esgoto doméstico para a futura estação de tratamento de Alcântara. O investimento inicial é de R$ 354.962.332,34 e uma população de 165 mil habitantes será beneficiada. O término das obras está previsto para dezembro de 2018.

Além de prevenir doenças e dar mais qualidade de vida aos moradores, estima-se que as obras do Sistema de Esgotamento Sanitário de São Gonçalo reduzirão em 1.200 litros por segundo a quantidade de esgoto lançada diretamente na Baía de Guanabara.

Inscreva-se para se manter atualizado e receber notícias sobre o meu mandato para a sua cidade.

Comentários no Facebook

Você também pode gostar de

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

  • Facebook

  • Twitter

  • Instagram

  • Youtube

  • Linkedin