BAIXE O MEU APP

Blogs

Você está aqui

Você trocaria toda a equipe de um hospital por recém-formados para melhorar o atendimento?

Você trocaria toda a equipe de um hospital por recém-formados para melhorar o atendimento?

Amigas e amigos, sou político. Estou no meu 5º mandato e sou candidato à reeleição ao cargo de deputado estadual pelo Rio de Janeiro. Meu número é 25.123 e o do Luiz Antônio 2727.

E falo isso sem nenhuma vergonha. Pelo contrário, com muito orgulho.

Já me falaram que eu não deveria ficar falando que já tive 5 mandatos porque as pessoas estão com raiva de político e tem gente fazendo campanha para que não se reeleja nenhum atual político.

Tem até candidato com 24 anos de experiência em política se chamando de novo, de novidade.

Minha resposta a pergunta aí de cima

Não. Se um hospital não está atendendo bem à população é urgente que se tome providências. Mas trocar todo staff por recém-formados, médicos, enfermagem e administração, não seria solução. Pelo contrário. Provavelmente pioraria o atendimento. A melhor solução é, de forma rápida e eficiente, descobrir os motivos do mal atendimento e eliminar esses motivos: seja demitindo os incompetentes, seja melhorando processos... Não importa. Isso resolve o problema.

Na política é a mesma coisa

Tenho a impressão, e espero não estar errado, que esta será a eleição onde os eleitores mais darão valor ao seu voto para os candidatos ao legislativo. Antigamente as pessoas pensavam muito só nos candidatos aos cargos executivos.

No Brasil, com o atual sistema político, é muito difícil um governador ou presidente governar sem o apoio do legislativo. Aí vem o loteamento de cargos... O resto da história você já conhece. A Lava-Jato vem contando essa história todos os dias.

Ser honesto não basta

O critério para algumas pessoas na escolha do seu candidato é “ser honesto”. Mas ser honesto e não ter preparo também não resolve. E o pior: tem gente que acha que para ser honesto basta não aceitar suborno.

Não é só isso

Ser honesto é trabalhar pelas pessoas dentro do foco da sua campanha, com dedicação, dentro do melhor da sua capacidade, do seu preparo, com ética e transparência.

Soluções simplistas não resolvem

Como em um hospital, trocar todo mundo nas câmaras federal e estadual não vai resolver. É preciso descobrir onde estão os problemas e eliminá-los. Onde estão os acertos e mantê-los. E os novos (que sejam bem-vindos), devem ser escolhidos com critério. É preciso ter competência, dizer qual vai ser o foco do seu trabalho além de ser honesto.

E para isso você vai ter que pesquisar. Então minha sugestão é: comece logo. A eleição está mais perto do você pensa. Não vote em alguém porque fulano vai votar. Não vote em alguém porque tanto faz já que “tudo é igual”. Use a força do seu voto como talvez você nunca tenha usado antes. Nosso país e nosso estado está precisando muito disso.

Em 26 anos de vida pública nunca tive uma condenação, nem em 1ª instância. Até porque, nunca sofri nenhum processo criminal. Não estou na Lava-Jato e nunca tive sequer uma conta rejeitada no tribunal de contas. Mas não acredite no que estou dizendo. Pesquise você na internet.

Está na hora da gente olhar para o Brasil com um olhar diferente. Enquanto muitos querem construir “muros” eu e o Luiz Antônio, meu pai, queremos construir “pontes”. Sou candidato à reeleição ao cargo de deputado estadual pelo Rio de Janeiro. Meu número é 25.123. Meu pai, que ajudou a formar o meu caráter, já foi prefeito e deputado estadual é candidato a deputado federal com o número 2727.

Sou político. Estou no meu 5º mandato. Tenho orgulho de tudo que já fiz.

E quero seu voto.

Um abraço,

André Corrêa.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

  • Facebook

  • Twitter

  • Instagram

  • Youtube

  • Linkedin